Guajará-Mirim,

Preço do gás de cozinha sobe mais uma vez; reajuste começa valer na segunda (14)
Segundo o IBGE, em maio, o preço do gás de cozinha subiu 1,24%, em média, em todo o Brasil

Publicado 12/06/2021
A A

A Petrobras anunciou um novo aumento no preço médio do gás de cozinha. O GLP sofrerá reajuste de 5,9% nas distribuidoras para R$ 3.40 por quilograma (Kg), o que representa aumento médio de R$ 0,19 por kg. O novo preço do produto entra em vigor a partir de segunda-feira (14). O anúncio foi feito ontem (11) pela Petrobras.

Nos últimos meses, como você já deve ter reparado, já não é raro encontrar botijões de 13 kg vendidos a mais de R$ 100. Na capital rondoniense, Porto Velho, por exemplo, o preço chega a R$ 113,00.

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em maio, o preço do gás de cozinha subiu 1,24%, em média, em todo o Brasil. 

E para quem se pergunta se o preço do gás vai cair, vale destacar que o cenário não é tão animador assim. O gás de cozinha é um derivado do petróleo. Portanto, o preço do combustível fóssil é o principal fator para a formação de preço do botijão. E é aí que a coisa começa a ficar complicada. 

A Petrobras reforça que "os valores praticados nas refinarias são diferentes dos percebidos pelo consumidor final no varejo". A empresa lembra que até chegar ao consumidor são acrescidos "tributos federais e estaduais, custos para envase pelas distribuidoras, além dos custos e margens das companhias distribuidoras e dos revendedores".

Fonte: Assessoria

Fique ligado!

Quer receber nossas notificações?